Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A Minha Vida é um Livro

por Miss F, em 05.01.17

20154491_V4uqr.jpeg

 

A Magda quer que me inspire para aparecer mais por aqui e, por isso, desafiou-me a mostrar que A minha vida é um livro. O desafio consiste em construir uma história com os títulos dos livros que lemos em 2016 e nunca pensei chegar um momento em que pensasse 'Ainda bem que este ano li pouco', mas há sempre coisas positivas em todas as circunstâncias!

20154550_Oa7Ms.jpeg

 

Era uma vez um pássaro, tão belo e tão singular, um papagaio de papel. Alguém um dia o viu num parque e decidiu começar a Crónica do Pássaro de Corda, esperando com isso alcançar o sucesso. A sua esposa, de nome peculiar Pitonisa, uma pessoa de pouca crença na sorte, aconselhou-lhe que devia Comer, Orar, Amar ao invés de abraçar tamanha empreitada, acescentando na temática da ornitologia 'Olha que ainda há pouco quase Mataram a Cotovia, mas não conseguiram que ela fugiu!'

 

Desmotivado, o pobre procurou aconselhamento com a sua amiga Bridget. Durante a conversa esta confessou-lhe que também tinha iniciado o seu Diário de Bridget Jones, porque se não escrevermos tudo o que nos apoquenta durante The Edge of Reason nunca o vamos fazer. Continuou o seu caminho e, coincidências da vida, encontrou a sua amiga de cabelos negros, a quem chamavam A Rapariga Corvo. Esta perguntou-lhe o que achava a sua esposa, e posta a explicação, disse-lhe com doçura 'Às vezes penso que tens Fome de Fogo, sempre em busca de problemas'. Não deixou de o apoiar e gostou da ideia por também ela ser apaixonada por pássaros. Deixou-lhe um último alerta 'Segue o teu coração e escreve, só nunca deixes de lado As Instruções da Pitonisa, senão acabas a dormir na rua.'

 

Sentado numa catedral, e seguindo as instruções da sua mulher, o nosso escritor vai orar. Olha para cima em busca de inspiração divina, mas só encontra uma Clarabóia. Fica a pensar em tudo o que já passou e decide 'Pela Memória das Minhas Putas Tristes, e nem que tenha de remexer n' Os Pilares da Terra, hei-de acabar a minha crónica'. Decidiu mais uma vez pôr-se a caminho e encontrou um amigo que escrevia sobre a sua família, numa obra a que chamou O Livro dos Baltimore. Percebendo que o seu amigo de tudo fazia para viver Furiosamente Feliz, achou no entanto uma afronta que este se dispusesse a contar os Segredos de Família.

 

Foi viajando, até que deu com uma estranha num bar com quem meteu conversa. Esta dizia-lhe estar triste com os homens e que procurava algo com significado. Quando ele perguntou o que procurava então num bar de beira de estrada ela respondeu, secamente, 'Olhe, aqui esta Mulher Procura Homem Impotente para Relacionamento Sério!'. Riu, já ébria, e acrescentou, 'Não me leve a mal, isto são os Gritos do Passado que me atormentam'.

 

E assim, ele voltou para casa pensando, com pesar, que tinha à sua espera o Harry Potter e a Criança Amaldiçoada para jantarem, que a sua esposa muito gostava de ter convidados ilustres na sua casa. Durante o jantar, e depois da sua mulher decidir partilhar com as visitas o seu empreendimento, Harry exclamou 'Meu amigo, verá na minha irmã A Amiga Genial para o ajudar e inspirar!'. Pouco convicto, o nosso amigo lançou-se em desculpas, clamando que aquilo que a esposa tinha tentado dizer é que ele apenas tentava criar uma História do Novo Nome para o seu papagaio, não era nada por aí além.

 

Harry, desapontado e já com avanço no lícor, lançou-se num discurso emocionado.

 

- 'Embora amaldiçoada, fique sabendo que durante Os últimos dias dos nossos pais, foi ela quem tomou as rédias da casa. Há sempre alguém que sabe uma História de Quem Vai e de Quem Fica, só não podemos é adivinhar que alguns vão tão rápido e outros se demorem'.

- 'Meu caro Harry, a vida é mesmo assim, é um jogo'.

- 'Só nos resta saber se estamos a jogar o Jogo do Diabo ou O Jogo do Anjo'.

 

The End

 

Caramba, que isto é que foi puxar pelos miolos! Este ano li muito pouco, e mesmo assim, acho que me faltam aqui livros. Espero que gostem da minha pequena história estapafúrdia.

 

Como diz que tem que se desafiar alguém, desafio as seguintes meninas a embarcarem neste desafio.

 

M.J. 

Azulmar

Just Smile

Maria (depois disto um queque e um galão?)

Tea (andas tão desaparecida como eu, olha que isto desenferrujou-me os dedos!)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:33


Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D